quinta-feira, 9 de julho de 2015

(Re)Aprender a "Segurança Online"

 Segurança Online? Mas afinal o que é? Bem, a ver pelo conceito, não é difícil chegar a uma conclusão: é estar seguro via online. Será? E como fazemos isso?
 A meu ver, estarmos seguros enquanto estamos no nosso computador, tablet ou outro dispositivo que tenha acesso à Internet é indispensável para que possamos proteger a nossa identidade, livres de quaisquer perigos.
 Por exemplo (estou a referir este exemplo - apesar de ser ridículo, para a maioria dos mortais, pois noto que a maioria dos jovens não tem esta preocupação): Quando bebes algo não costumas pegar no copo de forma a protege-lo? Ou seja, em vez de o agarrar de uma forma dita normal, tapas o copo? Bem, também é verdade que aqui entramos noutro campo: o da higiene, pois se seguras o copo onde bebes convém teres as mãos (bem) lavadas. Mas não me desviando muito do assunto, o que quero aqui refletir é que se fazes (ou deverias fazer) isto, pois se colocas o copo em algum sítio ou mesmo se o tens a descoberto, não sabes se alguém te coloca alguma coisa (ex.droga), a segurança via online também não deveria ser deixada de parte. Decerto já ouviste falar dos perigos da Internet, mas tens realmente a noção dos perigos?
 Por vezes somos ingénuos e não pensamos de uma forma coerente, ou seja, não nos prevenimos. Prevenir é mesmo isso, prevenir os potenciais perigos, ou seja, tomar providências para que nada de mal nos aconteça. Atenção, não me estou a referir ao facto de ser "paranóico" com a segurança online, mas apenas ter cuidado. Por exemplo: manter a atualização de um antivírus; desligar a Internet depois de usa-la; ter cuidado com os programas que se instala; não colocar fotografias em "trajes" menores; entre outros. Este último aspeto mencionado é, para mim, o ou um dos mais importantes, pois tenho-me vindo a aperceber que não nos devemos expor. Deveremos ter esta preocupação, cada vez mais. Porquê? Será ridículo esta afirmação? Fica ao teu critério.


 Assumir uma postura madura/consciente face à Internet é essencial para que possamos viver de um modo equilibrado.  
 Concordas?


Nota: Deixei de colocar, no fim dos textos, o meu nome pois achei que não é preciso, visto que o site está identificado.

Sem comentários:

Enviar um comentário